De Chuck Berry a tambores africanos: as músicas que a NASA enviou para se comunicar com extraterrestres De Chuck Berry a tambores africanos: as músicas que a NASA enviou para se comunicar com extraterrestres

De Chuck Berry a tambores africanos: as músicas que a NASA enviou para se comunicar com extraterrestres

Espaço 3 de dezembro de 2018 Bianca Bellucci 0

Em 1977, a NASA lançou duas sondas que estavam destinadas a viajar para sempre pelo espaço. São elas: Voyager 1 e Voyager 2. E já que existe a possibilidade de um extraterrestre encontrá-las em algum momento, a equipe liderada pelo astrônomo Carl Sagan desenvolveu o chamado Golden Record, um disco de cobre banhado a ouro que compila diversos sons da Terra.

O álbum conta com saudações em 55 línguas diferentes, 19 sons característicos da Terra (bebê chorando, barulho de vento e de vários animais), e mais 28 músicas entre canções folclóricas e faixas populares. Ainda leva 118 fotografias e, de acordo com a NASA, as “ondas cerebrais de uma jovem mulher apaixonada”.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Abaixo, confira a lista completa das músicas selecionadas pela NASA para o Golden Record. Agora, caso queira saber em que lugar do espaço as sondas estão, basta clicar aqui.

– Vincent Bach, “Brandenburg Concerto Nº 2 in F. First Movement”
– Robert Brown, “Kinds of Flowers” (Ilha de Java, Indonésia)
– Charles Duvelle, “Percussão de Senegal”
– Colin Turnbull, “Som de iniciação das mulheres pigmeus do Zaire”
– Sandra LeBrun, “Morning Star” e “Devil Bird” (canções aborígenes da Austrália)
– Lorenzo Barcelata, “El Cascabel” (México)
– Chuck Berry, “Johnny B. Goode”
– Robert MacLennan, “Men’ House Song” (Nova Guiné)
– Goro Yamaguchi, “Tsuru No Sugomori” (Japão)
– Vincent Bach, “Gavotte en Rondeaux Partita Nº 3 in E major”
– Wolfgang Amadeus Mozart, “The Magic Flute, Queen of the Night aria, Nº 14”
– Rádio Moscou (gravação), “Tchakrulo” (Geórgia)
– Casa de la Cultura, “Panpipes And Drum” (Peru)
– Louis Armstrong, “Melancholy Blues”
– Rádio Moscou (gravação), “Bagpipes” (Azerbaijão)
– Igor Stravinsky, “Rite of Spring, Sacrificial Dance”
– Vincent Bach, “The Well-Tempered Clavier, Book 2, Prelude and Fugue in C, Nº 1”
– Ludwig van Beethoven, “Fifth Symphony, First Movement”
– Valya Balkanska, “Izlel je Delyo Hagdutin” (Bulgária)
– Willard Rhodes, “Night Chant” (Índios Navajo)
– David Munrow, “The Fairie Round”
– Solomon Islands Broadcasting Service, “Panpipes” (Ilhas Salomão)
– John Cohen, “Som de casamento” (Peru)
– Kuan P’ing-hu, “Flowing Streams” (China)
– Surshri Kesar Bai Kerkar, “Jaat Kahan Ho” (Índia)
– “Blind” Willie Johnson, “Dark Was the Night”
– Ludwig van Beethoven, “String Quartet No. 13 in B flat, Opus 130, Cavatina”

Leia mais
Site revela quais tecnologias desenvolvidas pela NASA você usa no dia a dia
Japoneses vão testar elevador espacial para o transporte de pessoas
5 documentários na Netflix para quem adora alienígenas

E já que o assunto é NASA, confira alguns cliques incríveis da agência no Instagram:

 
 
<
>
Menu