Tags

Negócios

Python ou Java: qual linguagem será mais dominante em 2024?

Créditos: https://depositphotos.com/br/in
5 fevereiro, 2024
Da Redação, com assessoria

No cenário tecnológico atual, dominado por linguagens como Python, Java, Javascript e C#, as projeções para 2024 indicam que o Python continuará em destaque, impulsionado pela expansão significativa da Inteligência Artificial no mercado de tecnologia.

De acordo com o índice TIOBE da comunidade de programação, o Python manteve sua liderança no ranking de linguagens mais utilizadas em 2023, seguido das linguagens C, C++, Java e C#.

“Claro que tudo isso pode mudar em poucos meses com o surgimento de alguma nova linguagem e, por isso, é importante sempre se manter antenado às novidades”, explica Alexandre Previley, consultor de fábrica de software da Belago Technologies, integradora de tecnologias que fornece soluções completas para empresas.

Quer saber tudo sobre Universo Sugar? Clique aqui e compre o e-book O Guia dos Sugar Daddy & Sugar Babies por apenas R$ 10

Como o Python se tornou tão popular?

O Python se tornou muito popular por três principais razões:

  1. Facilidade em aprender;
  2. Facilidade em usar;
  3. Bibliotecas relacionadas a Machine Learning e Inteligência Artificial, temas “da moda” no momento.

“As diferenças entre Python e Java são muitas, incluindo sintaxe, tipagem, desempenho, paradigmas de programação, comunidade e ecossistema e manuseio de erros. Ambas as linguagens têm vantagens e desvantagens, e a escolha entre Java e Python muitas vezes depende do contexto específico do projeto, dos requisitos e das preferências da equipe de desenvolvimento”, comenta Alexandre.

Ensino das linguagens nos cursos superiores e a distância

O mundo acadêmico é um dos responsáveis pela evolução para conectar-se mais com as necessidades do mercado. “Antigamente, aprendia-se C e um pouco de Java nas faculdades de tecnologia, e investia-se muito tempo da grade em disciplinas desconectadas do mercado, fator que mudou muito com os anos, com os interessados passando a encontrar cursos superiores com Python e outras linguagens mais atuais em suas grades além de matérias relacionadas”, explica o especialista.

Além disso, as plataformas de ensino tecnológico a distância cumprem um grande papel na cobertura das lacunas deixadas pela academia na formação de profissionais para o mercado.

“Eu acredito muito na aquisição de conhecimento por meio da prática. Meu conselho para quem quer ingressar nesta área é ‘codar’ [gíria para codificar, programar, escrever código-fonte]. Escolha uma linguagem relevante para o mercado e assista a vídeos em plataformas renomadas. Para praticar, você pode se envolver com iniciativas do terceiro setor, assim, além de aprender e conhecer ótimos profissionais, ajuda o mundo”, opina Alexandre.

A tecnologia está evoluindo rapidamente e as linguagens de programação desempenham papel fundamental nesse avanço. Nesse contexto, tanto as linguagens Java e Python estão prontas para ajudar os programadores a enfrentar os desafios e aproveitar as oportunidades no futuro.

A  evolução das plataformas de low code e no code, que oferecem soluções que demandam pouca (low code) ou nenhuma (no code) programação, podem revolucionar o mercado de tecnologia nos próximos anos.

Diante deste cenário, é possível enxergar cada vez mais usuários das áreas de negócio aprendendo lógica de programação para poder operar soluções que tendem a “fabricar” o código fonte, que pode representar uma quebra de paradigma em torno de papéis e responsabilidade dentro do ciclo de desenvolvimento de software.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Newsletter

Receba com exclusividade nossos conteúdos e o e-book sobre segurança na internet.