Tags

Gadgets

Testamos: Smart Lâmpada Wi-Fi, da Positivo, personaliza ambientes por R$ 119

Créditos: Divulgação
10 fevereiro, 2020
Bianca Bellucci

A Smart Lâmpada Wi-Fi, da Positivo, faz parte de uma linha de soluções da marca baseada em Internet das Coisas (IoT). Este produto permite controlar e personalizar a iluminação de um ambiente por meio do aplicativo Positivo Casa Inteligente (disponível para Android e iOS). O preço sugerido é de R$ 119 a unidade.

Leia mais:
7 dicas para transformar sua casa em uma smart home
Microsoft usa Internet das Coisas e reconhecimento facial para abrir portinhola de pets
5 provas de que o futuro chegou e revolucionou a sua casa

Raio-X


Nome: Smart Lâmpada Wi-Fi, da Positivo
Temperatura da cor: 2.700 – 6.500 Kelvin
Potência: 9 Watts
Tensão: 100 – 240 Volts
Dimensões (LxAxP): 6 x 12 x 6 cm
Peso: 70 gramas
O que anima: fácil de instalar e usar, várias funções e cores, bom preço para dispositivo IoT
O que decepciona: qualidade do aplicativo oscila, conexão com assistente virtual não é intuitiva, não tem suporte à Siri
Preço: R$ 119
Site oficial: http://bit.ly/384G1rX

Usar o produto é fácil. Primeiro, faça o download do aplicativo no seu celular. Após um rápido cadastro, clique em “Adicionar dispositivo”. Agora, você deve ligar e desligar o interruptor de luz três vezes. A Smart Lâmpada Wi-Fi começará a piscar para mostrar que está pronta para sincronizar. Espere a conexão e pronto! Já é possível controlar a iluminação pelo smartphone.

Pelo app, você pode escolher a tonalidade da luz – são 16 milhões de cores disponíveis – e sua intensidade. Também têm alguns modos programados. O usuário pode optar entre oito cenas. Quatro delas é para momentos específicos (Noite, Leitura, Reunião e Lazer), duas usam um único tom com efeito (fade out ou pisca) e outras duas de combinações (seis cores com fade out ou seis cores piscando).

Com ajuda do aplicativo, ainda é possível ligar ou desligar a lâmpada em um horário específico. Dá para programar isso para ocorrer em um único momento ou durante vários dias da semana.

Durante os testes do 33Giga, entretanto, o aplicativo teve oscilações de uso. Embora seja simples para controlar a lâmpada, às vezes, o programa perde a conexão com o dispositivo. É necessário fechar e abrir o app, esperar alguns segundos e, só então, volta a sincronia.

Outra função da Smart Lâmpada Wi-Fi é a sincronização com as assistentes virtuais do Google e da Amazon, a Alexa – mas nada de Siri, da Apple. Nos testes do 33Giga, porém, a conexão não foi intuitiva. Foi necessária a ajuda do suporte técnico para fazer o recurso funcionar. Uma vez que o auxílio apareceu, o gadget sincronizou e respondeu bem aos comandos de voz.

Apesar do preço salgado para uma lâmpada – um modelo LED de 9W sai a partir de R$ 5, de acordo com o comparador de preço Zoom –, por ser um dispositivo inteligente, o valor é interessante. Ao comparar o produto da Positivo com o da Phillips, por exemplo, as lâmpadas HUE têm a mesma potência (9W) e disponibilidade de cores (16 milhões). Porém, são bem mais caras (R$ 360) e ainda precisam de uma fonte como intermediária para se comunicar com o celular.

É importante destacar que a Smart Lâmpada Wi-Fi só deve ser usada para iluminar o interior de um ambiente. Locais externos ou úmidos, como banheiros, não são indicados.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Na galeria, você confere outros testes realizados pelo 33Giga:

Newsletter

Receba com exclusividade nossos conteúdos e o e-book sobre segurança na internet.