Divulgação
Testamos: Novo Kindle Oasis oferece mais conforto aos leitores pela bagatela de R$ 1.149 Testamos: Novo Kindle Oasis oferece mais conforto aos leitores pela bagatela de R$ 1.149

Testamos: Novo Kindle Oasis oferece mais conforto aos leitores pela bagatela de R$ 1.149

GadgetsReviews 25 de setembro de 2019 Beatriz Ceschim 0

O novo Kindle Oasis chegou ao Brasil em meados de julho. A novidade da Amazon traz o modelo fino e estiloso da antiga versão, com uma iluminação embutida de 25 LEDS e ferramenta de personalização da temperatura da luz. O dispositivo será vendido em duas versões: uma de 8 GB, por R$ 1.149, e outra de 32 GB, com o custo de R$ 1.299.

Leia mais: 
Testamos: Novo Kindle alia beleza a bom custo-benefício
Lê livros no smartphone? Veja alguns aplicativos que podem melhorar a experiência

Raio-X

Nome: Novo Kindle Oasis
Iluminação: 25 LEDs + sensor de luz adaptável + ajuste da temperatura de luz
Resolução: 300 ppi
Conectividade: Wi-Fi
Armazenamento: 8 GB e 32 GB
Dimensões (em milimetros):
159 x 141 x 3,4-8,3 mm
Peso: 188 gramas
Cor: Grafite
Pontos positivos: duração da bateria, botões de virada de página e ferramenta para alterar temperatura da tela
Pontos negativos: preço, touch um pouco lento e sujeira na lombada
Preço sugerido: R$ 1.149 (8GB) e R$ 1.299 (32GB)
Site oficial: www.amazon.com.br

O leitor digital tem as mesmas dimensões que o modelo anterior, ostentando uma tela de 7 polegadas, ótima para ler durante horas. Com 3,4 mm de espessura e 8,3 mm de lombada, o dispositivo encaixa perfeitamente na mão. Na versão atual, o aparelho está mais leve do que antes, passando de 194 gramas para 188 gramas. Além disso, o novo Kindle Oasis é a prova d’água, um ponto positivo para quem costuma ler perto da piscina ou na praia.

A maior novidade deste aparelho, porém, é a possibilidade de alterar a temperatura da tela. Durante o dia, o leitor pode manter o dispositivo com uma cor mais fria e luminosidade maior. Já para as leituras noturnas, é possível diminuir o brilho e alterar a tonalidade para um tom de âmbar. Isso melhora a experiência do usuário, já que não agride os olhos e suaviza a intensidade da luz.

Outro ponto positivo do aparelho é a bateria. Durante o teste, a reportagem do 33Giga notou que após duas semanas lendo uma média de uma hora e meia por dia, com o brilho no 16, o dispositivo só perdeu 60% da carga. Para os leitores mais vorazes, o Oasis também não deixa a desejar, já que em uma hora e meia, o usuário consegue carga total para continuar a leitura.

Um aspecto que vale destaque são os botões na lateral. Com eles, o leitor pode mudar as páginas sem precisar tocar na tela. Isso facilita bastante, porque o touch da tela costuma demorar para responder, enquanto os botões são bem rápidos. Além do toque, outro ponto negativo são as marcas de dedo que ficam na região dos botões. Como o material é diferente que o da tela, a sujeira fica mais visível.

É importante destacar, entretanto, que o maior ponto negativo do novo Kindle Oasis é o seu preço. Por mais que o aparelho seja maior e tenha a possibilidade de alterar a temperatura da luz, essas características não compensam os R$ 1.149. Por R$ 650 a menos, os leitores podem adquirir o novo Paperwhite, que possui luz embutida, é à prova d’água e também tem uma versão de 32 GB.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Muito além do novo Kindle Oasis, confira outros testes realizados pelo 33Giga:

 
 
  • novo-kindle-2019
  • beats-studio3-wireless
  • JBL Tune 110 BT. O teste completo você vê em http://tinyurl.com/yb6ecbmf
  • Sony_Xperia XZ2_Preto
  • Fone JBL T450BT. O teste completo em https://wp.me/p7AVMp-eKM
  • Testamos: por R$ 330, caixa de som Pulse é resistente à água e dura mais de cinco horas
<
>
Menu