Divulgação
Testamos: por R$ 1.700, OnePlus 5 agrada demais com configuração top e câmera dupla potente Testamos: por R$ 1.700, OnePlus 5 agrada demais com configuração top e câmera dupla potente

A OnePlus é uma fabricante de celulares chinesa que, apesar de ter nascido em 2013, já chama a atenção com seus modelos que agregam boas configurações a preços acessíveis. Um dos últimos lançamentos da empresa, o OnePlus 5 tem hardware e desempenho para brigar, por exemplo, com smartphones top de linha como Samsung Galaxy S8 ou LG G6.

O OnePlus 5, avaliado pelo 33Giga, é um dos smartphones mais completos e rápidos das prateleiras. Qualquer comando é respondido imediatamente pelo telefone, inclusive em jogos mais robustos ou edições rápidas de imagem. A câmera realiza fotos incrivelmente nítidas e coloridas, dando também a possibilidade de efeitos em dois ou mais planos. O áudio é cristalino e o Android flui de forma bastante agradável (e quase sem apps inúteis pré-instalados).

Raio-X


Nome: OnePlus 5
Sistema operacional: Android 7.0 Nougat
Tela: 5,5 polegadas, com 1080×1920 pixels
Armazenamento: 128 GB
Memória RAM: 8 GB
Processador: Quad-Core de 2.45 GHz + Quad-Core de 1.9 GHz
Câmeras: 16 Mpixel (traseira, dupla) e 16 Mpixel (frontal)
Dimensões: 15,4 x 7,41 x 0,7,25 cm
Peso: 153 g
O que anima: extremamente rápido; câmera dupla potente; ótimo preço
O que decepciona: bateria poderia durar mais; não é vendido oficialmente no Brasil; interface não está completamente em PT-BR
Preço: R$ 1.700
Site oficial: www.oneplus.net

O telefone chinês tem basicamente de tudo o que um fiel usuário do Android – que recorra ao telefone tanto para trabalhar como para lazer – precisa. Obviamente, o OnePlus 5 tem alguns defeitos – mas se considerar que ele custa menos da metade de seus principais concorrentes no Brasil, a disputa tende facilmente para um lado.

Dos aspectos negativos, os que chamam a atenção ainda podem ser relativizados. O carregador não é compatível com o padrão brasileiro (e quem é?) e a OnePlus ainda envia um segundo adaptador para facilitar a vida do usuário (igualmente não compatível com o padrão brasileiro).

O telefone também não tem sistema 100% em português do Brasil, apresentando telas em PT-PT. Outro reflexo disso é que a versão mais moderna do assistente do Google também não está no OnePlus 5. Outro ponto que pode decepcionar é a duração da bateria: em uso intenso, o telefone chega ao fim do dia pedindo tomada. Ao comparar com outros modelos que chamam a atenção pela autonomia (como o Moto Z Play, que aguenta dois dias sem recarga), deixa a desejar.

Leia mais
Celular Moto G5 Plus tem multimídia potente, bateria resistente e comandos por gestos
Do StarTAC ao Moto X: Relembre alguns celulares icônicos da Motorola

Tabelão de celulares: confira todos os modelos vendidos no Brasil

Com exceção a esses pequenos detalhes, o OnePlus vai bem demais em qualquer atividade. Além da ótima performance, ainda oferece alguns pequenos recursos que agradam no conjunto. Ele tem uma chavinha física para acionar o “Não perturbe”, conta com uma interface chamada “Never Settle”, que agrega apps e “contactos” recentes, e a tela “Gerir o centro”, monitora constantemente dados utilizados, armazenamento e estado da bateria.

A OnePlus não vende o modelo no Brasil. Para adquiri-lo, é necessário comprar ou via sites de revenda (como Mercado Livre e OLX) ou importá-lo por sua conta e risco – uma das lojas online que faz o melhor preço é a GearBest, com promoções diárias. O valor oficial no site da OnePlus é US$ 540. Quem for comprar pagará uma taxa variável de importação.

No álbum, você confere detalhes do OnePlus 5 e algumas das fotografias feitas com ele. (As imagens são de divulgação.)

 
 
<
>

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Menu