Testamos: Zenfone Max Pro (M1) tem Android Puro e bateria que dura 48 horas Testamos: Zenfone Max Pro (M1) tem Android Puro e bateria que dura 48 horas

Em agosto, a Asus trouxe para o Brasil seus grandes lançamentos do ano. Entre eles, o intermediário Zenfone Max Pro (M1). O modelo chamou a atenção logo de cara por ter Android Puro e uma bateria poderosíssima de 5.000 mAh, com preço sugerido a partir de R$ 1.349. O 33Giga testou a novidade e te conta as impressões.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Disponível nas cores preto, prata e azul, o Zenfone Max Pro tem um design simplão, mas caprichadinho, com bordas arredondadas e acabamento em metal. Na parte traseira, a câmera está do lado esquerdo, na vertical. Mais ao centro e acima, o leitor de impressão digital — muito rápido e preciso, inclusive.

Seu display tem 6 polegadas, com cantos arredondados e pouquíssima borda nas laterais. A tela Full HD+ (2160×1080 pixels) oferece uma experiência muito agradável para reprodução de vídeos e jogos, com cores vivas e bem representadas. O clipe de Humility, do Gorillaz, por exemplo, roda vibrante, em uma experiência bonita de se ver.

Raio-X


Nome: Zenfone Max Pro (M1)
Marca: Asus
Sistema operacional: Android 8.1 (Oreo)
Cartão SIM: dual
Tela: 6” 2160×1080 pixels (Full HD+)
Memórias (armazenamento e RAM): 32GB e 3GB (com versão com 4GB e 64 GB)
Processador: Snapdragon 636 Octa-core 1.8 GHz Kryo 260 + 1.6 GHz Kryo 260
Câmera (dupla traseira e frontal): 13 MP + 5 MP e 8 MP (com versão com 16MP +5MP e 8MP)
Bateria: 5000 mAh
Dimensões (L x A x P): 15,9 cm X 7,6 cm X 0,8 ~ 0,8 cm
Peso: 180 gramas
Prós: duração da bateria, conjunto fotográfico principal e custo-benefício
Contras: tamanho e peso
Preço sugerido: R$ 1.349
Site: www.asus.com/br

Roda ou não roda?

O Max Pro é equipado com o poderoso processador Snapdragon 636, o mesmo do Zenfone 5. Por isso, não surpreende que ele dê conta do recado nas tarefas do dia a dia, tenha respostas bastante rápidas aos comandos e rode vários aplicativos simultaneamente sem estresse.

Câmeras

O conjunto fotográfico principal do Zenfone Max Pro é formado por uma câmera dupla de 13 MP + 5MP, capaz de capturar imagens com resolução 4K. A experiência é muito satisfatória, pois ela explora bem os detalhes e faz fotos com cores naturais e fieis.

A câmera frontal tem 8MP. Ela captura fotos claras e com uma boa definição. Não vai decepcionar quem curte fazer selfies sozinho ou com os amigos.

O que chama a atenção

Um dos trunfos deste modelo é que a empresa abriu mão do uso da interface ZenUI, que costuma ser superpersonalizada. No Max Pro, o usuário tem a experiência do Android Oreo puro, sem grandes modificações no código original do sistema operacional. Ele é o primeiro aparelho da marca com essa especificação.

Mas o grande destaque do modelo fica mesmo para a bateria. São 5.000 mAh dedicados a manter o aparelho fora da tomada por, pelo menos, 48 horas. Durante os testes do 33Giga, o Zenfone aguentou com folga dois dias sem recarga – e se o uso for de moderado para baixo, pode chegar facilmente a três dias.

Toda essa capacidade, porém, impacta no peso e no tamanho do aparelho – são 180 gramas e 15,9 cm de altura. Mas a experiência e o custo-benefício do Zenfone Max Pro tende a compensar o espaço a mais que ele ocupa no bolso.

Leia mais: 
Testamos: Por R$ 1.999, novo Zenfone 5 tem inteligência artificial e display deslumbrante
ASUS anuncia atualização da linha Zenfone 5 para o Android Pie 9.0

Confira todos os eletrônicos já testados pelo 33Giga:

 
 
  • JBL Tune 110 BT. O teste completo você vê em http://tinyurl.com/yb6ecbmf
  • Sony_Xperia XZ2_Preto
  • Fone JBL T450BT. O teste completo em https://wp.me/p7AVMp-eKM
  • Testamos: por R$ 330, caixa de som Pulse é resistente à água e dura mais de cinco horas
<
>
Menu