Divulgação
Testamos: Por R$ 1.700, Moto G6 Plus tem bateria duradoura e tela boa para assistir a filmes Testamos: Por R$ 1.700, Moto G6 Plus tem bateria duradoura e tela boa para assistir a filmes

O Moto G6 Plus é mais uma das opções do portfólio 2018 da Motorola. Com acabamento espelhado, o aparelho tem como grande trunfo a duração da bateria. Além disso, sua tela grande pode ser um prato cheio para quem curte assistir a vídeos e filmes no mobile. Essas características aliadas a um bom funcionamento chegam ao mercado pelo preço sugerido de R$ 1.700.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Disponível na cor índigo, um ponto interessante logo de cara é que o celular vem de fábrica com capinha protetora de plástico. O dispositivo segue o design de outros lançamentos recentes da marca, como o Moto X4: acabamento espelhado e câmera traseira em relevo.

O relevo, inclusive, pode dividir a opinião dos usuários. Isso porque, com o uso da capinha, ele fica quase imperceptível. Mas, sem ela, a lombada da câmera pode deixar o celular meio bambo quando apoiado em uma superfície plana, por exemplo, o que pode incomodar alguns usuários.

A tela, de 5,6 polegadas, abrange quase toda a frente do celular. Esse fato, aliado às cores vivas e vibrantes do display, proporcionou boa experiência para assistir a vídeos e filmes durante os testes do 33Giga. O Moto G6 Plus ainda conta com regulação de luz noturna — é possível configurar a luminosidade para um tom azulado —, o que deixa as imagens mais confortáveis aos olhos durante em locais muito escuros.

Raio-X


Nome: Motorola Moto G6 Plus
Sistema operacional: Android Oreo 8.0
Tela: 5,9 polegadas
Armazenamento: 64 GB
Memória RAM: 4 GB
Processador: Processador Qualcomm Snapdragon 630 Octa-core de 2.2 GHZ Adreno 508
Câmeras: 8 Megapixel (frontal), 12 Megapixel (traseira principal) e 5 Megapixel (grande angular)
Dimensões: 15,99 x 7,5 x 8 cm
Peso: 165 g
O que anima: Bateria de longa duração, tela grande, bom desempenho
O que decepciona: custo-benefício, se comparado com outros aparelhos da marca; modelo com uma cor; TV Digital não capta todos os canais
Preço sugerido: R$ 1.700
Site oficial: https://bit.ly/2vvooT5

O modelo conta também com desbloqueio de tela por digital. É possível configurar até cinco dedos diferentes. Durante os testes do 33Giga, o sensor funcionou bem.

Desempenho

Em uso moderado, com redes sociais e vídeos curtos, sua bateria de 3.200 mAh chegou a durar mais de 24 horas longe da tomada. Ao maratonar uma série na Netflix, por exemplo, o desempenho da energia caiu pela metade. Mas, mesmo assim, foi possível, completar uma temporada de 10 capítulos de quase 50 minutos cada sem procurar pelo carregador.

A RAM de 4GB e o processador de 2.2 GHz Octa-Core explicam o bom desempenho do aparelho ao executar dois ou mais aplicativos ao mesmo tempo. Ao alternar entre streaming, redes sociais e navegação na internet, o Moto G6 Plus não apresentou dificuldades ou engasgos. Essa resposta do celular também foi percebida ao carregar e executar jogos, como o Subwaysurfer.

Nessa mesma plataforma interativa, o touchescreen foi testado e teve boa resposta. Em ações detalhadas, como edição de fotos e aumento ou diminuição de itens na tela, a sensibilidade ao toque do usuário também teve bom desempenho. Inclusive, o tamanho do display facilita a interação.

Conjunto de câmeras

O Moto G6 Plus conta com duas câmeras em seu conjunto fotográfico. A frontal tem 8 Megapixels, já a traseira conta com duas lentes, uma de 12 Megapixels e outra de 5 Megapixels. Ambas têm boa qualidade e trazem cores vivas e vibrantes para as imagens. Além disso, elas contam com recursos inteligentes, como reconhecimento de lugares e objetos para armazenamento ou busca na internet.

O conjunto também tem configurações comuns às câmeras profissionais, como tempo de exposição para foto, quantidade de luz sobre o assunto fotografado e correção de imperfeições. Já as máscara de efeitos animados podem agradar aos usuários que gostam de tirar fotos divertidas.

Demais recursos

Outra das funcionalidades do aparelho é a TV Digital. Para usá-la, é necessário espetar a antena na entrada dos fones de ouvido e então conectá-lo por cima para ouvir a programação. Depois, é só esperar a busca pelos canais. Tanto no 4G como no Wi-fi, os canais conectados foram transmitidos de forma constante.

Entretanto, o que desanima nessa função é que nem todas as emissoras puderam ser captadas pelo dispositivo. Durante os testes, a maioria os canais sintonizados foram de vendas de produtos ou de conteúdo religioso. A Record e o SBT chegaram a funcionar em alguns momentos, mas o sinal da Globo, por exemplo, foi encontrado em apenas um dos testes feitos.

Confira álbum com os aparelhos eletrônicos testados pelo 33Giga:

 
 
  • Fone JBL T450BT. O teste completo em https://wp.me/p7AVMp-eKM
  • Testamos: por R$ 330, caixa de som Pulse é resistente à água e dura mais de cinco horas
<
>

Leia mais:
Granny: o jogo de terror para smartphones que é febre no YouTube
Status: a rede social que é uma alternativa ao Instagram

Menu