Tags

Dicas

Saiba como se prevenir e proteger seus dados de ameaças cibernéticas

Créditos: Visualhunt.com
30 agosto, 2017
Da Redação, com assessoria

Os ataques na internet têm se tornado cada vez mais frequentes, o que causa preocupação em boa parte dos usuários. Apenas neste ano, os ransomwares WannaCry e Petya criptografaram dados de centenas de milhares de computadores em mais de 150 países. Mesmo assim, informações confidenciais de pessoas e de grandes instituições continuam vulneráveis, e os criminosos se aproveitam de brechas nos sistemas para roubar dados importantes. Confira, abaixo, cinco dicas da Security4IT para manter os seus dados em segurança.

Leia mais: 
Quer mais segurança no WhatsApp? Saiba como ativar a verificação em duas etapas
Gartner indica cinco tendências em cibersegurança para 2017 e 2018

 

1 – Atualize o sistema operacional
As principais entradas para criminosos são brechas deixadas por falhas nos sistemas operacionais antigos ou desatualizados. A Microsoft, no evento do WannaCry, disponibilizou gratuitamente patches de correção para várias versões do seu sistema operacional Windows. Estes patches sempre estiveram disponíveis, porém diversas empresas não se preocuparam em instalá-los em seus ambientes.

2 – Realize backups com frequência
Salve cópias de segurança de todos os arquivos críticos de uso pessoal e profissional constantemente. Essa ação permitirá que você não dependa dos criminosos, que, em muitos casos, cobram valores elevados para devolver o material aos seus donos. Por padrão, pagar o “sequestro” pelas informações não é aconselhável e não é garantido que se receberá os dados de volta. Então, a melhor opção é ter backups íntegros e investir em prevenção com soluções que irão prover visibilidade do que acontece na rede das empresas.

3 – Utilize senhas reforçadas (complexas)
Evitar senhas simples e comuns, além de não repeti-las em sites diferentes, é uma das atitudes mais recomendadas para manter suas informações em segurança. Ainda assim, muitos usuários sofrem com o roubo de seus logins em diversos sites e mídias sociais em função de combinações fracas, que são facilmente descobertas por criminosos. Vale incluir números e caracteres especiais para dificultar esse tipo de ação.

4 – Instale softwares de proteção
Desde a simples utilização de um programa antivírus até o uso de softwares robustos para a proteção de rede, a contratação de um serviço adequado para a sua necessidade ajuda a manter os criminosos ainda mais afastados dos seus dados. Mesmo que exista alguma falha em um primeiro momento, essas medidas podem criar uma espécie de barreira ou desviar o invasor do local original das informações críticas, além de identificar a origem do ataque e a brecha utilizada para acesso.

5 – Apague arquivos desnecessários
O computador armazena muitas informações, como cachê, cookies e arquivos temporários ao acessar a internet ou realizar outras ações. Com o passar do tempo, esses documentos podem se tornar uma porta de entrada para possíveis invasões. Por isso, é importante fazer limpezas constantes no sistema operacional com programas de varredura.

Se você tem alguma dúvida sobre tecnologia, escreva para 33giga@33giga.com.br e suas questões podem ser respondidas

 

Newsletter

Receba com exclusividade nossos conteúdos e o e-book sobre segurança na internet.