Golpe causa prejuízo de US$ 118 a usuários do aplicativo Tinder Golpe causa prejuízo de US$ 118 a usuários do aplicativo Tinder

A empresa de ferramentas de segurança Norton detectou spammes que estão atacando usuários do Tinder. Por meio de um perfil falso de mulher, os criminosos puxam conversa  com a vítima e dizem que têm um perfil verificado pela rede social. Na sequência, os golpistas insistem para que a pessoa também faça a verificação por meio de um link. Se a a pessoa clicar e finalizar o cadastro, pode facilmente cair na armadilha cujo objetivo é roubar dinheiro.

Se você tem alguma dúvida sobre tecnologia, escreva para 33giga@33giga.com.br e suas questões podem ser respondidas

O golpe é resultado de uma parceria entre os spammers, que espalham mensagens não solicitadas, e sites de conteúdo adulto. Na prática, o benefício para os criminosos é a comissão que será paga quando ele convencer o usuário a fazer o cadastro. Já o site maliciosos, por meio da copia da identidade visual do Tinder, consegue ter acesso a dados de cartão de crédito fornecidos pelas próprias vítimas – como forma de confirmação de idade no link falso. Com isso feito, sem perceber, a pessoa se inscreveu em três sites diferentes por US$ 118,76 ao mês.

O golpe é resultado de uma parceria entre os smpammers, que espalham mensagens não solicitadas, e sites de conteúdo adulto. Na prática, o benefício para os criminosos é a comissão que será paga quando ele convencer o usuário a fazer o cadastro, enquanto o site malicioso – por meio da copia da identidade visual do Tinder – tem acesso a dados de cartão de crédito fornecidos pelas próprias vítimas como forma de confirmação de idade. Com isso feito, sem perceber, a pessoa se inscreveu em três sites diferentes por US$ 118,76 por mês.

Para ajudar o usuário a se proteger dessas ameaças virtuais, a Norton destaca alguns comportamentos básicos que é preciso manter na internet:

– Tome cuidado com links suspeitos, mesmo que sejam compartilhados por pessoas conhecidas;

– Tenha prudência ao acessar links ou arquivos enviados em e-mails não solicitados e por pessoas desconhecidas;

– Suspeite caso uma oferta seja boa demais. Nem sempre a vantagem é para o usuário;

– Leia sempre com muita atenção os termos de qualquer serviço ou aplicativo antes de aceitá-lo.

Menu