Tags

Notícias

Disney+: serviço de streaming é lançado; veja principais atrações

Créditos: Photo on Visualhunt
12 novembro, 2019
Da Redação

O serviço de streaming Disney+ foi lançado hoje nos Estados Unidos, no Canadá e nos Países Baixos. A plataforma, pertencente à The Walt Disney Company, já nasce com 500 filmes e 7.500 episódios de televisão de Disney, Pixar, Marvel, Star Wars, National Geographic.

Leia mais
10 truques que vão te transformar em um mestre da Netflix
Confira as principais estreias da semana na Netflix
Site calcula quanto tempo você passou assistindo a séries, desenhos e novelas

Como parte do lançamento, o serviço (que não tem previsão de chegada ao Brasil) estreou suas primeiras produções originais. Abaixo, você confere alguns destaques:

– “The Mandalorian”, primeira série live-action da saga Star Wars;
– “A Dama e o Vagabundo”, atualização do clássico animado de 1955;
– “Noelle”, filme original de comédia natalina, protagonizado por Anna Kendrick;
– “High School Musical: O Musical: A Série”,  nova produção roteirizada e ambientada no East High da vida real, que foi apresentada na bem-sucedida franquia;
– Série documental “The World According to Jeff Goldblum”, de National Geographic;
– “Marvel’s Hero Project”, com crianças extraordinárias que marcam a diferença em suas comunidades;
– “Encore”, com produção executiva de Kristen Bell;
– “The Imagineering Story”, documental em seis partes da diretora Leslie Iwerks, (indicada a Emmy e Oscar);
– Minisséries “Pixar IRL” e “Disney Family Sundays”;
– Coleções de curtas animados “SparkShorts” e “Forky Asks A Question”, de Pixar Animation Studios.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Gig25

 

Mais conteúdo
O serviço oferece aos espectadores novos conteúdos pertencentes à biblioteca dos criadores da The Walt Disney Company. Com isso, produções famosas entram em catálogo.

A partir de hoje, os assinantes podem assistir a:

–  Desenhos animados como “Branca de Neve e os sete anões”, “A Bela e a Fera”, “Pinóquio”, “Bambi”, “O Rei Leão”, “A Dama e o Vagabundo”, “Peter Pan”, “A Pequena Sereia”, “Cinderela” e mais;
–  “Vingadores: Ultimato” “Avatar” e “Star Wars: O Despertar da Força”;
–  Trinta temporadas de “Os Simpsons”, a série 11 vezes vencedora dos prêmios “Emmy”;
– Filmes de Marvel Studios: “Vingadores: Ultimato”, “Capitão América: Guerra Civil”, “Guardiões da Galáxia”, “Os Vingadores” “Homem de Ferro 3,” “Doutor Estranho”, “Guardiões da Galáxia Vol. 2”, “Capitã Marvel”, “Homem de Ferro”, “Thor: O Mundo Sombrio”, “Capitão América: O Soldado Invernal”, “Homem de Ferro 2”, “Thor”, “Vingadores: Era de Ultron”, “Capitão América: Primeiro Vingador” e “Homem-formiga”;
– Episódios de séries do Disney Channel, como “Lizzie McGuire” “The Suite Life of Zach & Cody” e “Kim Possible” e mais de 100 filmes originais do Disney Channel, que incluem “Descendentes”, “High School Musical” e “Camp Rock”;
– Filmes da Pixar como “Wall-E” “Up – Altas Aventuras”, “Ratatouille”, “Procurando Nemo”, “Os Incríveis”, “Toy Story”, “Divertida Mente” e “Valente”, assim como curtas de Pixar, “Bao” e “Os Heróis de Sanjay”, vencedores do Oscar;
– Mais de 600 horas de conteúdo de National Geographic, incluindo o documentário “Free Solo” e a estreia em streaming de “Science Fair”;
– Os seis filmes originais da saga Star Wars, lançados entre 1977 e 1999, além dos recentes “Star Wars: O Despertar da Força” e “Rogue One: Uma história Star Wars”. Para o final de 2020, toda a saga Skywalker será disponibilizada no serviço.
– As séries de televisão Marvel desde a década de 1970 até a atualidade, incluindo “X-Men”, “Homem-aranha” e “Marvel’s Runaways”.

Formato
A Disney+ oferece aos assinantes serviço sem comerciais e até quatro transmissões simultâneas. É possível realizar downloads ilimitados e receber recomendações customizadas. O usuário pode ocnfigurar até sete perfis diferentes.

Além disso, os pais podem determinar perfis para crianças, que criam uma interface amigável e fácil de navegaro Os pequenos podem, assim, acessar conteúdos apropriados para sua idade.

Os consumidores podem assinar Disney+ diretamente em DisneyPlus.com ou mediante a compra dentro do aplicativo das seguintes plataformas e dispositivos associados (conforme o país):

● Amazon (dispositivos Fire TV, smart TVs, edição Fire e tabletes Fire)
● Apple (iPhone, iPad, iPod touch e Apple TV; totalmente integrado com o app Apple TV. Os usuários podem assinar Disney+ mediante compra no aplicativo)
● Google (telefones Android, TVs com Android, Google Chromecast e dispositivos com Chromecast integrado)
● Smart TVs LG com webOS;
● Microsoft (Xbox One)
● Smart TVs Samsung Tizen
● Sony / Sony Interactive Entertainment (todos os televisores Sony com Android e PlayStation 4)
● Roku (reprodutores de streaming Roku e modelos de Roku TV)

Nos Estados Unidos, o valor do Disney+ (que oferece ainda Hulu e ESPN) custa a partir de US$ 12,99. Para saber das novidades a respeito do Brasil, entre em https://preview.disneyplus.com/br/.

Por falar em Disney+, veja o que a concorrente, Netflix, vai tirar do ar nos próximos dias.