Tags

Dicas

Hábito de compartilhar demais na internet coloca sua segurança digital em grande perigo

31 julho, 2017
Da Redação, com assessoria

Uma nova pesquisa da Kaspersky Lab trouxe um panorama dos hábitos de compartilhamento de informações online e revelou como os usuários de todo o mundo colocam seus dados confidenciais em perigo. De acordo com o estudo, as pessoas que costumam dividir suas informações com outros na internet estão arriscando mais em sua vida digital.

Leia mais:
Cibersegurança: quatro dicas para te manter protegido durante as férias
Segurança digital: cinco armadilhas da internet que você deve evitar
WhatsApp dá dicas de como identificar mensagens duvidosas no aplicativo

Na América Latina, 92% dos usuários compartilham fotos e vídeos de suas viagens, 73% partilham fotos e vídeos de seus filhos e 30% o fazem com senhas, e isso inclui o “Lembrar Senha”. Os riscos são ainda maiores para aqueles que dividem informações com estranhos, sendo que 59% dos usuários de smartphone admitem que perderam suas informações ao compartilhá-las com estranhos. Na América Latina, 21% dos usuários estão propensos a compartilharem seus dados com desconhecidos.

Entretanto, as chances de perda de dados são comparativamente pequenas entre aqueles que não compartilham suas informações com outras pessoas. O relatório indica que, dos que não dividem informações, apenas uma pequena parcela perdeu seus dados – 13% no smartphone, 23% no computador e 4% no tablet.

Cuide do que é seu 

As pessoas que compartilharam dados pessoais de grande importância ainda relataram uma ampla gama de problemas com seus dispositivos. Nos smartphones, as questões mais comuns incluem anúncios intrusivos (51%), problemas de duração da bateria (41%), aplicativos que operam sem consentimento (19%) e infecções de malware (14%).

Além disso, a pesquisa mostra a mesma correlação para as pessoas que dão seus smartphones a outros por um período de tempo, deixam os aparelhos desbloqueados em lugar público, informam seus PINs. Esses usuários também são muito propensos a sofrer perda de dados. 65% dos que compartilharam seu smartphone com outros sofreram perda de informações, em comparação com 34% dos que não o fizeram.

“Sabemos que é improvável que os usuários parem de compartilhar seus dados mais preciosos com pessoas online. Mas é por isso que é tão importante que todos estejam conscientes dos potenciais perigos que correm. Insistimos para que as pessoas escolham uma proteção que se adapte às suas necessidades, seja qual for o ambiente em que se encontram. Esta abordagem identifica ameaças complexas e direcionadas, além de oferecer aos usuários dicas que ajudam a reduzir o potencial dano aos seus dados e dispositivos”, recomenda Andrei Mochola, chefe de negócios de consumo da Kaspersky Lab.

Se você tem alguma dúvida sobre tecnologia, escreva para 33giga@33giga.com.br e suas questões podem ser respondidas

Newsletter

Receba com exclusividade nossos conteúdos e o e-book sobre segurança na internet.