Jan Vašek / Pixabay
Como jogadores de futebol se divertem no mundo online Como jogadores de futebol se divertem no mundo online

Como jogadores de futebol se divertem no mundo online

Especiais 26 de novembro de 2019 Rodrigo dos Santos

Assim como a maioria dos atletas, jogadores de futebol profissionais são conhecidos por seu espírito competitivo. Tanto é que, mesmo no seu tempo livre, é muito comum ver a maioria deles envolvidos com outros tipos de esportes ou jogos.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

No entanto, um observador atento vai poder notar que algumas coisas mudaram consideravelmente de uma década para cá na escolha dessas atividades extracampo.
Até o início dos anos 2000, o mais comum era ver esses atletas escolhendo como principais hobbies outras práticas esportivas.

Inclusive não eram poucas as vezes que isso levantava certa polêmica. Afinal, será que as frequentes partidas de futevôlei envolvendo craques como Romário, Edmundo e Renato Gaúcho não atrapalhavam o seu rendimento em campo?

Leia mais: 
Os 5 maiores erros cometidos por usuários de aplicativos de namoro
Descubra três dicas básicas para montar o perfil perfeito no happn

Além destes casos, existiam – e ainda existem, é claro – jogadores que se dedicavam a atividades que tinham muito pouco a ver com esportes, como demonstra o exemplo do ex-meia italiano Andrea Pirlo e a sua paixão pelos vinhos.

Outro bom exemplo disso são os vários ex-jogadores que são loucos por música. Pelé, Júnior, Ronaldo Giovanelli, Ronaldinho Gaúcho… a lista é praticamente interminável.

Nas últimas duas décadas, no entanto, é nítido o aumento na preferência por hobbies muito mais relacionados à tecnologia em geral. Isso não é de surpreender, já que a maior parte dos jogadores em atividade hoje em dia sequer se lembra do que era o mundo sem internet.

Além disso, aqueles com mais de 25 anos tiveram o privilégio de acompanhar a evolução dos videogames, que agora são plataformas interativas que integram competidores do mundo inteiro.

Com isso, é quase certo que os videogames sejam o hobby número 1 da maioria dos
jogadores de futebol do Brasil. E também de pelo menos alguns dos nossos vizinhos.

O argentino Lionel Messi, por exemplo, nunca escondeu sua paixão por PlayStation Online, o que, inclusive, lhe rendeu críticas por parte de Diego Maradona.

Outro ponto que muitos deles têm em comum é a paixão pelo pôquer. Dentre os astros em atividade, os casos mais notórios em relação à mencionada modalidade, disponível também em plataformas de cassino online, são os de Neymar e do espanhol Gerard Piqué, que frequentemente são vistos se divertindo em torneios.

O fato é que a tecnologia e o acesso à internet mudaram e continuarão mudando a forma com que todos nós lidamos com diferentes áreas das nossas vidas, mas talvez em nenhum outro caso isso fique tão nítido quanto nas diferentes opções de entretenimento que temos hoje à nossa disposição a apenas um clique de distância.

Muitos de nós dedicamos determinada parte do nosso tempo cotidiano a atividades online. Os jogadores de futebol, devido à visibilidade que têm, ilustram bem a influência que essas inovações e novas tendências exercem em nossas vidas.

Na galeria, veja os melhores filmes de aventura da história.

 
 
<
>

 

Menu