Aprenda a recuperar conversas apagadas no WhatsApp Aprenda a recuperar conversas apagadas no WhatsApp

Aplicativo de mensagens mais popular da atualidade, o WhatsApp é utilizado para praticamente tudo, sendo para muitos usuários essencial. Por isso muitas pessoas têm conversas importantíssimas no aplicativo. O problema é quando uma delas é excluída por acidente, situação que pode ocorrer com qualquer pessoa. Mas calma, há algumas soluções que podem ser feitas e o 33Giga explica tudo neste tutorial para Android. No iOS só é possível restaurar o backup do dia atual pelo iCloud, ou restaurando completamente o iPhone pelo iTunes.

É recomendado, sempre, ter um backup das conversas no WhatsApp. Há também a possibilidade de restaurar tudo pelo Google Drive, que facilita bastante o processo. Porém só é possível restaurar do último backup. Caso a conversa excluída seja anterior a isso, então será necessário realizar o passo a passo abaixo, mas ele só é possível no Android e só recupera conversas de até sete dias atrás. Se a mensagem for anterior esse período, não existe nenhuma solução para recuperá-la. Neste tutorial foi utilizado o aplicativo Web Pc Suite, que pode ser baixado gratuitamente aqui. Já o site do Web Pc Suite, utilizado para o pareamento no computador, pode ser acessado aqui.

Crédito: Reprodução
1-Após instalar o aplicativo no celular, abra-o e veja que existem algumas opções de pareamento. Acesse no computador o site do app (webpcsuite.com). Haverá um código QR para realizar o pareamento. Volte para o celular e clique em “Go”. Depois, aponte o aparelho para o código do computador. Para esse passo funcionar, celular e computador precisam estar conectados na mesma rede Wi-fi. Caso contrário, será necessário fazer o pareamento criando uma conta no aplicativo. |Crédito: Reprodução
1-Após instalar o aplicativo no celular, abra-o e veja que existem algumas opções de pareamento. Acesse no computador o site do app (webpcsuite.com). Haverá um código QR para realizar o pareamento. Volte para o celular e clique em “Go”. Depois, aponte o aparelho para o código do computador. Para esse passo funcionar, celular e computador precisam estar conectados na mesma rede Wi-fi. Caso contrário, será necessário fazer o pareamento criando uma conta no aplicativo.
Crédito: Reprodução
2-Deixe o celular de lado e use somente o computador a partir desse passo. No canto esquerdo do site, procure pela pasta “Arquivos”. Clique nela e uma nova janela se abrirá. Caso seu dispositivo tenha um cartão SD, então procure pela pasta “SD Card”.  |Crédito: Reprodução
2-Deixe o celular de lado e use somente o computador a partir desse passo. No canto esquerdo do site, procure pela pasta “Arquivos”. Clique nela e uma nova janela se abrirá. Caso seu dispositivo tenha um cartão SD, então procure pela pasta “SD Card”.
Crédito: Reprodução
3-Agora procure pela pasta “WhatsApp”, que é onde estão guardados todos os dados do aplicativo no aparelho.  |Crédito: Reprodução
3-Agora procure pela pasta “WhatsApp”, que é onde estão guardados todos os dados do aplicativo no aparelho.
Crédito: Reprodução
4-Após o passo anterior, procure e clique na pasta “Databases”.  |Crédito: Reprodução
4-Após o passo anterior, procure e clique na pasta “Databases”.
Crédito: Reprodução
5-Essa janela é onde estão todos os backups, de até sete dias, que é o máximo que o WhatsApp permite. Repare que todos os arquivos possuem uma data, menos o último. Esse é onde o aplicativo está salvando as conversas do dia atual, ou seja, é o backup mais recente. Antes de prosseguir, selecione este arquivo, clique em “Renomear” no canto superior direito do site e coloque o nome que for mais conveniente. Caso dê algum problema nos passos seguintes, o último backup está salvo.  |Crédito: Reprodução
5-Essa janela é onde estão todos os backups, de até sete dias, que é o máximo que o WhatsApp permite. Repare que todos os arquivos possuem uma data, menos o último. Esse é onde o aplicativo está salvando as conversas do dia atual, ou seja, é o backup mais recente. Antes de prosseguir, selecione este arquivo, clique em “Renomear” no canto superior direito do site e coloque o nome que for mais conveniente. Caso dê algum problema nos passos seguintes, o último backup está salvo.
Crédito: Reprodução
6-Depois de manter o último backup seguro, selecione qualquer arquivo da lista. O ideal é ter em mente quando que a mensagem desejada foi enviada. Após escolher a data, clique em renomear e troque o nome para msgstore.db.crypt8. Clique em “Confirmar” para salvar a alteração.  |Crédito: Reprodução
6-Depois de manter o último backup seguro, selecione qualquer arquivo da lista. O ideal é ter em mente quando que a mensagem desejada foi enviada. Após escolher a data, clique em renomear e troque o nome para msgstore.db.crypt8. Clique em “Confirmar” para salvar a alteração.
Crédito: Reprodução
7-Volte ao celular e clique em “Desconectar”. Após isso, desinstale e instale novamente o aplicativo do WhatsApp. Ao ser reinstalado, o app irá perguntar se deseja restaurar o último backup. A restauração entenderá que a conversa antiga é o backup mais atual, devido o código inserido, e todas as conversas do dia selecionado voltarão ao app.  |Crédito: Reprodução
7-Volte ao celular e clique em “Desconectar”. Após isso, desinstale e instale novamente o aplicativo do WhatsApp. Ao ser reinstalado, o app irá perguntar se deseja restaurar o último backup. A restauração entenderá que a conversa antiga é o backup mais atual, devido o código inserido, e todas as conversas do dia selecionado voltarão ao app.

O único problema do procedimento é que todas as conversas recentes acabam se perdendo. É como voltar no tempo; todas as mensagens serão as do dia selecionado no backup. Mas, pelo menos, aquela conversa que sumiu sem querer, estará de volta sã e salva.

  • Luis Marcelo Achite

    Legal esse procedimento. A única coisa a ressaltar eh que caso exista um backup no Google Drive que não queremos considerar na restauração, devemos apagar este backup de la antes de fazer os procedimentos descritos aqui. Se não fizer isso a restauração teima em buscar o backup do GDrive e ignora o arquivo local. Fica a dica.

    • surti

      Excellent dica, Luis. Lembremos também que o arquivo de último backup(o msgstore.db.crytXX) não fica visível através do acesso via PC. O uso de um gerenciador de arquivos é fundamental!
      O estranho que agora ele está insistindo na verificação do arquivo na drive e não faz a busca de forma local.

Menu