Divulgação
Android deve dominar mercado de games mobile em 2020 Android deve dominar mercado de games mobile em 2020

Android será o meio preferido dos gamers em 2020. Pelo menos é o que aponta um relatório da Liftoff, plataforma de marketing e retargeting de aplicativos para dispositivos móveis. A pesquisa analisou mais de 107 bilhões de impressões de anúncios, quase 82 milhões de instalações e 14 milhões de compras em 555 aplicativos de jogos entre junho de 2018 e maio de 2019. O relatório contempla oito países: Brasil, Estados Unidos, Canadá, Alemanha, Reino Unido, Rússia, Japão e Coreia do Sul.

Leia mais
Celebridades que se tornaram personagens de videogame
10 dicas para aumentar a vida útil de consoles e controles de videogame
Dos consoles para as bilheterias: games que se tornaram filmes

A soberania do Android

A vantagem do Android na “guerra” de plataformas contra o rival iOS já era uma tendência observada pela Liftoff no relatório lançado no ano passado, quando o sistema operacional da Apple ainda era o mais utilizado para jogos.

Essa mudança se explica pelos custos. O preço de aquisição de um usuário por meio de ações de marketing no Android é de apenas US$ 3,21, enquanto no iOS esse valor sobe para US$ 4,85. Logo, o proprietário de um jogo tem que desbancar 51% a mais para conseguir captar um usuário da maçã.

Isso se reflete também na taxa de in-app purchase (IAP), que são as aquisições de usuários por meio de compras realizadas dentro do próprio aplicativo. Nesse critério, que mede o engajamento dos usuários, o iOS sofreu uma queda nas vendas de 21% para 13,2%, reduzindo a vantagem sobre o Android, que tem 9,5%. (Por falar em jogos, se quiser se divertir, entre em Bet365 ou em ESC Online bonus)

Brasil se destaca por baixo custo, mas desigualdade atrapalha o mercado

O Brasil é um mercado atrativo para os desenvolvedores de jogos mobile que querem gastar pouco para adquirir usuários – mas isso não significa algo totalmente vantajoso. Apesar do custo baixo para converter anúncios em instalações (US$ 1,42), os games ainda enfrentam dificuldades para converter seus esforços em vendas efetivas.

Analisando os dados de compra no aplicativo (IAP), o custo para adquirir um usuário brasileiro em jogos de celular é de US$ 33,88 (equivalente a mais de R$ 130), valor quase idêntico ao que é gasto no Canadá (US$ 33,43). Entretanto, as semelhanças param por aí. No Brasil, a taxa de engajamento, é de apenas 4,2%, contra 15,3% no Canadá.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Aproveite e descubra os 50 jogos para videogame mais vendidos de todos os tempos:

 
 
<
>
Menu